O Projeto Final de Engenharia com Ortofotos foi elaborado pela primeira vez para atender as necessidades de modernização solicitadas pelo DER-PR.

A meta era implantação de uma nova rodovia na região metropolitana das cidades de Ibiporã, Londrina e Cambé com o objetivo de diminuir o tráfego pesado na área central destas cidades.

Como fatores positivos do trabalho em modo digital estão a facilidade de visualizar, facilidade de reprodução, dinâmica no manuseio de dados topográficos, maior velocidade de execução e maior economia.

Desde então, a ESTEIO vem utilizando sistematicamente a técnica da ortofoto como base cartográfica para os projetos viários.