Google+

Você está em: Principal > Serviços > Executados > Perfilamento a LASER > ELETRONORTE - UHE Samuel

ELETRONORTE - Levantamento LASER e Batimetria na Área do Reservatório da UHE Samuel

Clique para Ampliar

Localização da Área

Clique para Ampliar

Plano de Vôo Gráfico

Sensor ALS 50, Instalado a Bordo da Aeronave

Sensor ALS 50, Instalado a Bordo da Aeronave

Clique para Ampliar

Levantamento GPS

Clique para Ampliar

Perfil Classificado (Pontos MDT na Cor Magenta e MDS na Cor Verde)

Clique para Ampliar

Seção Batimétrica de Campo

Clique para Ampliar

Planta final

Clique para Ampliar

Seção Topobatimétrica

Objeto dos Serviços

A ESTEIO foi contratada pela ELETRONORTE para realizar serviços de mapeamento numa área de aproximadamente 600 km² de abrangência, e topobatimetria de 120km de extensão, no reservatório da Usina Hidelétrica de Samuel, utilizando a tecnologia de Perfilamento a Laser.

Este levantamento teve como objetivos principais a definição das seções do fundo do reservatório, para atendimento à Resolução ANEEL no 396, de 1998, Artigo 20, assim como a definição da área de abrangência do lago do reservatório em cada um dos quatro municípios atingidos, sendo eles, Itapua do Oeste, Candeias do Jamari, Cujubim e Alto Paraíso.

Localização

A área do trabalho se localiza na Bacia Hidrográfica do Rio Jamari, no estado de Rondônia, a aproximadamente 50km de Porto Velho e 25km da cidade de Candeias do Jamari.

Plano de Voo

Antes do início dos serviços foi elaborado um planejamento detalhado do voo LASER a ser realizado sobre a área. O planejamento do vôo foi feito a partir de arquivo fornecido pela Eletronorte, o qual continha a delimitação da área e dos limites de interesse.

O voo foi projetado de modo a obter produtos compatíveis com as necessidades do serviço. Todo o planejamento foi efetuado com a determinação dos pontos iniciais e finais das faixas, as distâncias entre os eixos e altura de voo.

Realização do Voo

O voo foi realizado de acordo com a ocorrência de condições atmosféricas favoráveis. Ressaltamos que, em função da ocorrência de nuvens durante o dia, parte das faixas de vôo foi realizada no período noturno, com céu isento de nebulosidade.

Nesta etapa dos serviços, a equipe de vôo trabalhou em conjunto com a equipe de campo, que ocupou e rastreou a base de referência do voo LASER.

A equipe de voo utilizou como base o aeroporto Governador Jorge Teixeira de Oliveira, em Porto Velho.

Topografia

Os Serviços de Topografia constituiram a etapa locação dos marcos de início e fim das seções topobatimétricas, o mais próximo possível da cota 90m, bem como os vértices a serem utilizados como base GPS para realização da varredura LASER.

Os trabalhos tiveram como origem a rede de marcos geodésicos do IBGE e também a linha de nivelamento existente ao longo da rodovia BR-354, no trecho entre Porto Velho e Ariquemes.

Processamento LASER e MDT

Após o processamento GPS foi realizado o processamento dos dados brutos do LASER. Nesta etapa foram utilizados parâmetros de calibração do equipamento, dados relativos ao tipo de terreno e cobertura vegetal e configurações do equipamento.

A classificação do MDT foi realizada pelo programa Terra Scan, baseada em parâmetros de classificação conforme a declividade da região trabalhada. Os pontos não pertencentes ao terreno foram separados de acordo com a distribuição geométrica, altitude e a intensidade do retorno do pulso Laser.

Topobatimetria

As seções planejadas foram levantadas com o uso de topografia nas regiões do reservatório que estavam secas e batimetria embarcada nas áreas com água.

O levantamento batimétrico por ecobatímetro teve por objetivo o reconhecimento do fundo em locais que a lâmina d’água seja tal, que impeça ou inviabilize sua obtenção por topografia convencional.

Foram realizadas 22 seções, sendo que as 9 primeiras na área do reservatório da represa e as demais no Rio Jamari. A seções totalizaram 130 km de extensão.

Processamento da Batimetria

As seções levantadas em campo foram processadas no escritório. Foram unificados os levantamentos topográficos e batimétricos, de modo a consolidar seções únicas.

Através do programa Hypack é possível, além da navegação em tempo real sobre as linhas planejadas, realizar a correlação entre as profundidades lidas pelo ecobatímetro com as coordenadas obtidas pelo GPS.

Plantas Finais

Foram geradas imagens de composição, que são imagens hipsométricas agregadas com os valores de intensidade de cada ponto LASER.

Essa imagem hipsométrica possui uma escala de cores iniciando na cor azul, utilizada para indicar pontos com valores altimétricos mais baixos, até o vermelho que indica pontos com valores altimétricos mais altos, conforme modelo de legenda abaixo.

Sobre tais imagens foram adicionados os vetores das curvas de nível de interesse da Eletronorte.

Perfis das Seções Topobatimétricas

A partir das seções topobatiméricas, foram produzidos desenhos georreferenciados, do perfil contínuo de cada seção contendo a representação das distâncias progressivas, pontos notáveis, NA e demais elementos de interesse.

Foram destacadas as partes terrestres e fluviais, com indicação do valor do NA e respectiva data de seu levantamento.

 

Página mantida por Antônio Jorge Furquim
Rua Dr. Reynaldo Machado, 1151 - Prado Velho, Curitiba - Paraná - Brasil | CEP: 80215-242 | Tel: (41) 3271-6000 Fax: (41) 3332-3273 | Latitude (GMS): -25° 27' 7,20672" - Longitude (GMS): -49° 15' 20,47880" | Alt. Geométrica (m): 892,599 - Sistema WGS84
Copyright ESTEIO 2001-2014 © - Todos os Direitos Reservados - Resolução mínima 1024x768px